domingo, 28 de dezembro de 2008

A BOTA


Arthur é o mais novo dos meus sobrinhos...Um furacão de criança...Inteligente...ávido...célere...quick...Meche em tudo, xinga, responde e com seus olhos verdes, nariz largo e cabelo sarará encanta a todos...irrita...Irrita e irrita...Mas faz carinho, brinca, canta, dança...segue..senta ao lado...Pergunta...explica...pula em cima, pula do sofá...Pula da escada...cai..se machuca..inferniza a avó...Dá porrada no irmão de nove anos...E quer nadar...não sabe...não sabe...e a piscina então é para ele um perigo...
...Hoje cedo, enquanto eu via Rolando Boldrim, brincava ele com o irmão na piscina...Paramentado com uma bóia de braço e aquela outra redonda que mais parece um bambolê gordo, inchado , inflado...nada de costas...mergulha...joga água...pica de shaolim o mleque...




Na parada para o lanche...sobe e atrapalha meu post anterior (Portinari no Sr. Brasil), pucha os fios do lap, quer estudar, quer teclar...sai do meu pé chulé...grito eu...e segue ele escada abaixo, segue para o quintal e ...tchbum...
...Pula na piscina sem bóia de braço, sem bóia inchada...e...
...e...é salvo da noumenalidade do não ser por João Victor, seu irmão peixinho...
Arthur mergulhou para a aventura, mergulhou para a loucura, mergulhou...para a quase morte...

Vó com dor de cabeça e sem conseguir segurar as pernas, joãozinho mais branco do que é...mãe fazendo seus movimentos de fisioterapeuta que é para faze-lo " vonitar" a água toda que bebeu...E o tio louco...a olhar e fingir que não foi tão grave assim...

perguntado: você vai pular de novo?
responde: vou...

...É o Arthur, marimbondo doido, como o trata o tio sylvio...na verdade o " seu porra!!" como o trata o Arthur - tudo bem...eu sei que uma criança de dois anos e tres meses não deveria tratar assim seu tio...mas fazer o que? Vou matá-lo...Ele me é hoje um grande incentivo a estar vivo...

Arthur nasceu com os pés chatos, tem a perna em tesoura...cai quando corre...e corre e cai e lá vai ele...the flash...xxxxxxxxxxxx!!!!!!

Arthur ontem foi almoçar fora com os pais...antes passaram na orto sei lá o que e pegaram sua botinha ortopédica...companheira pelos anos que virão...
...Parece o Zeca Tatú com seu andar gingado e sua bota feia, escrota, pesada...e necessária...Daqui a alguns anos vai parar de xingar, vai parar de ser levado (?), vai poder deixar a bota...

Será que Arthur pulou na piscina or conta das botas?

2 comentários:

Prestor disse...

A minha confusão caótica de tarde de domingo é deixada de lado após esta leitura, obrigado Sylvio, feliz ano novo!

Prestor disse...

A minha confusão caótica de domingo é deixada de lado após esta leitura, obrigado Sylvio, e um feliz ano novo! Abraços