quarta-feira, 30 de junho de 2010

Ave dolorosa


Ave perdida para sempre - crença
Perdida - segue a trilha que te traça
O Destino, ave negra da Desgraça,
Gêmea da Mágoa e núncia da Descrença!


Dos sonhos meus na Catedral imensa
Que nunca pouses. Lá, na névoa baça
Onde o teu vulto lúrido esvoaça,
Seja-te a vida uma agonia intensa!


Vives de crenças mortas e te nutres,
Empenhada na sanha dos abutres,
Num desespero rábido, assassino...


E hás de tombar um dia em mágoas lentas,
Negrejadas das asas lutulentas
Que te emprestar o corvo do Destino!

Augusto dos Anjos

terça-feira, 29 de junho de 2010

O MEU POEMA É O QUE ESCREVO EM MIM


Me chamam

Poeta Bomba

de papel

na tentativa

de esvaziar minha

letra

ha!ha!ha!ha!ha!ha!

Querem imprimir

em mim

sua poesia vaga

Escrever em mim

seus próprios poemas

cegos

ah!ah!ah!ah!ah!ah!

Que procurem muros

para pichar seus borrões

Que achem suas próprias

paredes, papéis e cadernos

para deitar

seus escritos de bombom

ah!ah!ah!ah!ah!ah!ah!ah!

Não esperem nada

de mim

se não

minha própria

poesia

Em mim se escreve

o meu, o meu e o meu

ébrio poema

sábado, 26 de junho de 2010

POEMA PEQUENO


NA EXASPERAÇÃO DAS PERDAS TODAS E AINDA NA COMPROVAÇÃO QUE VOU FICANDO SÓ...ESCREVÍ...

Por tanto tempo pedi o riso que jamais veio...Diluído em farelos, segui alhures...De nuvem em nuvem, de estrela em estrela fiz meu caminho...Andei por planetas, surfei caudas de cometas, mergulhei atrás de estrelas cadentes...Vi mares de areia...desertos de flores...cascatas de luz...soprei a imensidão...acendi escuros buracos negros...desvendei segredos...Percebi inimigos no coração de amigos...e sorri...da pequenez do querer...

sexta-feira, 25 de junho de 2010

MICHEL JACKSON


THEY DON´T CARE ABOUT US

All I wanna say is that
They don't really care about us
All I wanna say is that
They don't really care about us



ELES NÃO LIGAM PRA GENTE

Tudo o que eu quero dizer é que
Eles realmente não ligam pra gente
Tudo o que eu quero dizer é que
Eles realmente não ligam pra gente

DIA SEM GLOBO


Junte se a nós e participe do 'Dia Sem Globo' (em apoio a Dunga)..."Melhor será em apoio a boa educação e ao respeito da classe jornalistica...O mundo não é deles e nem da Globo"

O técnico da seleção brasileira abriu fogo contra a Rede Globo. Dunga deu na canela do comentarista Alex Escobar, da Globo. Poucas horas depois, um dos apresentadores do programa Fantástico, Tadeu Schmidt, da África leu um editorial da emissora detonando Dunga.

Tudo tem um porque, antes do ataque ao Dunga no Fantástico, o Jornal O Globo já havia descido a lenha na seleção e principalmente no seu treinador.
Qual a razão dessa súbita mudança de comportamento?

Vamos aos fatos:
Segunda feira, véspera do jogo de estréia da seleção brasileira contra a Coréia do Norte, por volta de 11 horas da manhã, hora local na África do Sul.
Eis que de repente, aportam na entrada da concentração do Brasil, dona Fátima Bernardes, toda-poderosa Primeira Dama do jornalismo televisivo, acompanhada do repórter Tino Marcos e mais uma equipe completa de filmagem, iluminação etc.
Indagada pelo chefe de segurança do que se tratava, a esposa do poderoso William Bonner sentenciou: "Estamos aqui para fazer uma REPORTAGEM EXCLUSIVA para a TV Globo, com o treinador e alguns jogadores...".

Comunicado do fato, o técnico Dunga, PESSOALMENTE dirigiu-se ao portão e após ouvir da Sra. Fátima o mesmo blá-blá-blá, foi incisivo, curto e grosso, como convém a uma pessoa da sua formação: "Me desculpe, minha senhora, mas aqui não tem essa de "REPORTAGEM EXCLUSIVA" para a rede Globo. Ou a gente fala pra todas as emissoras de TV ou não fala pra nenhuma...".
Brilhante!!!

Pela primeira vez em mais de 40 anos, um brasileiro peitava publicamente a Vênus Platinada!!!

"Mas... - prosseguiu dona Fátima - esse acordo foi feito ontem entre o Renato (Maurício Prado, chefe de redação de esportes de O Globo) e o Presidente Ricardo Teixeira. Tenho autorização para realizar a matéria".

Dunga: - "Não tem autorização nem meia autorização, aqui nesse espaço eu é que resolvo o que é melhor para a minha equipe. E com licença que eu tenho mais o que fazer. E pode mandar dizer pro Ricardo (Teixeira) que se ele quer insistir com isso, eu entrego o cargo agora mesmo!".

O treinador então virou as costas para a supra sumo do pedantismo e saiu sem ao menos se despedir.

Dunga pode até perder a classificação, a Copa, seu time pode até tomar uma goleada, qualquer fiasqueira na África, mas sua atitude passa à história como um exemplo de coragem e independência frente a uma das instituições privadas mais poderosas no País e que tem por hábito impor suas vontades, eis que é líder de audiência e por isso se acha acima do bem e do mal.

Em linguagem popular, o Dunga simplesmente mijou na Vênus Platinada! Sugiro uma estátua para ele!!!

Após, a poderosa Globo, a mesma que levou o Collorido ao poder e depois o detonou por seus interesses, agora difama o Dunga, tá certo que o cara é meio Ogro, mas não teve o direito de se defender dos ataques em momento algum.

Falar mal do cara é liberdade de imprensa. Ouvir o cara não pode?

A reação do povo foi imediata. O editorial lido no programa "Fantástico", da Rede Globo, deu repercussão no mundo virtual. E pela primeira vez na história o Brasil inteiro apóia o técnico da Seleção. Só a Globo para conseguir isso...

Dentre os assuntos mais comentados no Twitter nesta segunda-feira (21), a frase "Cala boca, Tadeu Schmidt" era líder absoluta, superou até a antecessora "Cala Boca, Galvão", que liderou por dias seguidos os Trending Topics.

E não parou por ai. Em apoio ao técnico da seleção brasileira, os twiteiros lançaram o "Dia Sem Globo", que será nessa sexta-feira, quando o Brasil vai jogar com a seleção de Portugal, no encerramento da primeira fase da copa.

Todo mundo na Band, ou em outra emissora, não vamos sintonizar a Globo na sexta-feira, temos que começar a deixar de ser gado manso, mostrar que não somos trouxas manipuláveis.

REPASSE PARA SUAS LISTAS.

VAMOS FAZER O BRASIL INTEIRO PENSAR NOS MALEFÍCIOS QUE A GLOBO VEM PERPETRANDO AO PAÍS.


(Texto recebido por imeiu e repassado)

quarta-feira, 23 de junho de 2010

O ESTATUTO DA DEMOCRACIA RACIAL


O Estatuto da Democracia Racial

Leia o artigo “O Estatuto da Democracia Racial” de Douglas Belchior, professor de História e membro do Conselho Geral da Uneafro, sobre a aprovação do Estatuto da Igualdade Social.

Mais uma vez, os senhores determinaram a regra, a lei e os limites da existência e da sobrevivência dos negros no Brasil. O dia 16 de junho de 2010 entra para a história, cinco séculos após a chegada dos primeiros africanos escravizados nestas terras e 122 anos após o fim da escravidão. Encerra-se mais um triste capítulo da luta entre senhores brancos racistas versus escravizados negros e pobres. Desta vez, nas salas acarpetadas do Senado Federal, em Brasília.

Em tramitação desde 2003, o chamado Estatuto da Igualdade Racial, apresentado pelo Senador Paulo Paim (PT), animou a esperança de o Estado Brasileiro finalmente iniciar um processo de reparação aos descendentes da escravidão no Brasil. No entanto, nesses difíceis anos de debate e enfrentamento aos que resistiam à sua aprovação, a proposta original sofreu muitas alterações que esvaziaram a possibilidade de eficácia e o sentido reparatório.

Ainda em 2009, alterações feitas na Câmara Federal rebaixaram o Estatuto para uma condição “autorizativa”, além de não garantir recursos para sua execução. Com isso, os gestores públicos já não seriam obrigados a colocá-lo em prática.

O Estatuto da Igualdade Racial aprovado pelo Senado neste dia 16 de junho foi ainda mais fundo no poço da hipócrita democracia racial brasileira. Fruto de um acordo espúrio entre o senador Paulo Paim (PT), o senador Demóstenes Torres (DEM), relator do projeto e presidente da CCJ no Senado, e o Ministro da Seppir, Elói Ferreira (representante dos interesses do ex-titular da pasta Edson Santos), significou alta traição à luta do povo negro no Brasil.

O acordo que possibilitou a aprovação do Estatuto (e que será usado como bandeira no processo eleitoral tanto pelo PT quanto pelo DEM), simplesmente enterrou as reivindicações históricas do povo negro, uma vez que o texto aprovado excluiu as Cotas para negros nas universidades, nos partidos e nos serviços públicos; excluiu a garantia do direito a titulação das terras quilombolas; excluiu a defesa e o direito a liberdade de prática das religiões de matriz africanas e não fez referência a necessidade de atenção do Estado ao genocídio cometido pelas polícias que vitimam a juventude negra.

Pior ainda que a supressão destas demandas, o texto de Demóstenes do DEM – aceito por Paim e pela Seppir, negou-se a reconhecer os efeitos dos mais de 350 anos de escravidão e a existência de uma identidade negra no país!

O Senador Demóstenes Torres, representante dos senhores, do agronegócio e dos ruralistas, é o mesmo que durante a audiência pública sobre cotas no STF, realizada em março deste ano, afirmou que as mulheres negras escravizadas se entregavam ao deleite sexual com seus senhores. Este homem, conservador e racista, é o padrinho do Estatuto da Igualdade Racial aprovado no Senado e que agora segue para sanção do presidente Lula.

Tudo isso sob a égide da submissão dos negros da Seppir e do parlamento, que nem de longe representam as aspirações dos movimentos da luta negra no Brasil.

Aliás, mesmo sob pressão de importantes organizações do Movimento Negro – entre as quais, o Movimento Negro Unificado (MNU), o Coletivo de Entidades Negras (CEN), o Círculo Palmarino, a UNEafro-Brasil – e do Movimento Social, como o Tribunal Popular, o MST e a Federação Nacional das Associações de Moradores, que encaminharam Carta Aberta ao Senado pedindo a retirada do projeto do Estatuto, e mesmo da posição contrária da CONEN, organização negra que agrega militantes petistas, a Seppir, Paulo Paim e deputados historicamente ligados a luta racial, como Janete Pietá e Vicentinho, sucumbiram.

Reafirmando sua índole traiçoeira, o parlamento aproveitou a comoção provocada pela copa do mundo para articular o golpe do Estatuto do DEM.

Há informações de que haverá uma festa no momento da sanção presidencial.

Festa na Casa Grande, com a presença dos escravos de dentro que, uma vez mais, hão de se lambuzar e saciar sua fome individual com os restos do banquete. Brancos, ricos e poderosos ao lado de negros bem educados e emergentes.

A coroação perfeita da democracia racial brasileira.

Enquanto isso, nas senzalas, cabe aos movimentos combativos continuar a luta, certos de que qualquer mudança concreta deste país rumo à justiça e igualdade passa necessariamente pelas mãos calejadas e ensaguentadas do povo negro brasileiro.

Douglas Belchior é prof. de história e membro do Conselho Geral da Uneafro-Brasil

terça-feira, 22 de junho de 2010

PIADA DA COPA OU PIADA EDUCACIONAL?

Sabe de onde vem a Vuvuzela?
Conheces a sua origem?
Heimmmmmmmmmmmm...??????


Huiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiii!!!!!!!!!!

Sopra mo fiiiiiiiii, sopraaaaaaaaaaaaaaaaaaaa
Ah!Ah!Ah!Ah!

Quero ver se agora Cês vão continuar
soprando esta merda barulhenta

Sopra danado, Sopra...






PIADA DE PADRE

CONVERSA FIADA E PIADA DE PADRE

Domingo pela manhã, puxei conversa pelo MSN, com o amigo professor e musico da banda Rota Espiral. E a conversa descontraída, chegou a este ponto...

Sylvio Neto diz:
Dormiu ahíiii....rrsr???

renatoaranha: disse (09:10):
não
ficou
ligado
tô de saída

Sylvio Neto diz:
trank...
boa vibe

Renato Aranha diz:
tenho de ir àquela reunião chata da igreja para ser padrinho de minha sobrinha
e eu só chego para a reunião
não vou à missa não

Sylvio Neto diz:
hauahauahahaua

Renato Aranha diz:
parada chata

Sylvio Neto diz:
é mais de uma?
aqui é apenas uma
na de s sebastião
em bel são duas

Renato Aranha diz:
pô aqui são três
]e na matriz são seis

Sylvio Neto diz:
kkkkkkkkkkkkkkkkk

Renato Aranha diz:
pô, exagero

Sylvio Neto diz:
chamase evangelização
-se

Renato Aranha diz:
ouvi uma história de que a mulher foi se confessar
na hora que estava no confessionário com o padre, o padre teve dor de barriga infernal
o padre sem que a mulher percebesse, chamou uma madre que passava e pediu para que ficasse no lugar dle e de acordo com o pecado aplicasse o penitênicapenitência
o madre entrou no confessionário
e o padre sumiu para o banheiro
nesse momento a mulher falou o pecado
Padre é prq eu dei o CU, e gostei
a madre não sabendo o que fazer
que castigo aplicar
abriu a porta do confessionário e viu um coroinha que passava e o chamou rapidamente , venha cá, venha cá, menino. O que o padre dá, para quem dá o cu. e o coroinha respondeu: para mim, um pastel e um caldo de cana.

Sylvio Neto diz:
caracaaaaaaaaaaaaaaaaa
essa vai pro blog amanhã: que se foda a m q vai dar...rsrsrs..e ainda vou recortar daqui
qq merda eu digo: - foi o Professor Renato Aranha que mandou

Renato Aranha diz:
contei essa ontem na Igreja da Matriz, depois é que eu lembrei que estava lá....

Sylvio Neto diz:
tú é maluco

Renato Aranha diz:
o Daniel tava comigo
prq tá tendo aquela festa lá
quando eu olhei pra trás eu tava na porta do salão principal
aí o Daniel disse rindo, agora já era,
Festa de São João

segunda-feira, 21 de junho de 2010

TRAUMA CAJURÚ


A FALTA DE CRITÉRIO E RESPEITO DA IMPRENSA BRASILEIRA PARA COM SEU PUBLICO, ENVOLVENDO-O EM SUA GUERRITA PARTICULAR CONTRA DUNGA

A estória e assim, todos os jornalistas, devem considerar que a frase idiota de Caetano Veloso, sobre Lula é verdadeira e que há ainda um outro tanto, enorme, de analfabetos e idiotas no Brasil...Posto que toda imagem precisa ser narrada, editada e interpretada...Nós não temos direito de ver a imagem, o fato e a notícia e fazermos a nossa própria interpretação...

Parece que o efeito Boris Casoy, Datena, Wagner Montes, Afanásio...E outros tantos....Tem feito escola entre toda a classe corporativa e imperialista que forma o jornalismo brasileiro.

Os jornalistas sofrem do "Trauma Cajurú": batem e quando recebem troco, reclamam batendo mais forte...

Dunga, tem dois jogos e duas vitórias...E o que se vê, a nivel de notícias, é algo sofrível, posto que é notória a mágoa (de ambos os lados)...Se Dunga é grosso e mal educado...A resposta da imprensa deveria ser respeitosa ao menos com os cidadãos brasileiros...Quem pariu mateus que o embale..Nós nada temos a ver com esta guerilha particular...

Observem os comentários de notórios jornalistas "espotivos" brasileiros, que foram extraídos do twitter e publicados no blog da jornalista Marília, do Yahoo:

1. Ela própria inicia a matéria se auto desculpando e dizendo que não é o seu texto, corporativista (hausca,hausca...Imagine se fosse....);
2.Usa cinco linhas, para falar das vitórias de Dunga e mais de cinquenta para meter o pau;
3.Diz que o rancor vem de 20 anos atrás, quando ele, Dunga, foi acusado de ter sido o simbolo da derrota de 90, o acusa de ser irrácional por ter eleito os jornalistas, sem motivo, como seus principais rivais;
4.Recrimina a ação de Dunga contra Alex Escobar (que envolve indiretamente o Tadeu Schmidt);
5.Alenca depoimentos de outros jornalistas, destaco um:

Zé Gonzalez, editor do Globoesporte.com:

"Não torço contra nem a favor da Seleção Brasileira. Apenas não torço. Desde 1994. E não consigo me imaginar torcendo por alguém como o Dunga.(...) Tem gente que precisa de um amor, de um herói, de colo, de um amigo... O Dunga tem necessidade em colecionar inimigos."

Tem cabimento, o editor de um programa esportivo dizer isto?

Deveria ele ser editor de programa policial...Assim então despejaria seu ódio sobre os bandidos...Não gosto de bandidos, não torço por eles...

Leia a matéria inteira seguindo o link: Blog da Marília (http://g.br.esportes.yahoo.com/futebol/copa/blog/damarilia/post/O-destempero-de-Dunga?urn=fbintl,250041)

(Não deixem de ler os comentários...Felizmente não há unanimidade...Nas defesas a Rede Globo)

Se quizer, assista ao vídeo editado e comentado por Tadeu Schmdt...




domingo, 20 de junho de 2010

Sarau de Domingo


CARLOS ZÜRCK CRUZ deixou um novo comentário sobre a sua postagem "SARAU DE DOMINGO":

MAGO SARAMAGO


“Não me peçam razões, ou que as desculpe,
Deste modo de amar e destruir:
Quando a noite é de mais é que amanhece
A cor de primavera que há-de vir”.


, sempre receio
a proximidade da noite
porque luto com palavras
cheias de benignidade,
mas, ainda assim,
não tenho a ilusão
de revelar neste sonho despedaçado
entre a verdade e a dor,
o veneno da infância,
infelizmente não.

Entre a verdade da dor
e a dor da verdade
escolhi a ternura que cedo
preencheu meu íntimo
de rios, figos e caminhos.
E luz e viajem e a sensação
de que é o amor o inimigo
e com esta tristeza entrelaçada
em nossos corpos traídos pelo tempo,
mais uma vez receio
a proximidade da noite

Sarau On Line

A PANELA E A TAMPA
Ou Quando o Amor Desfeito Não Mais Basta Enquanto Memória Olho Furado Que É...

Toda panela tem sua tampa
Não há pés descalços
Que um chinelo não calce
E para executar um plano
Basta a rampa

Quantas vezes foi
Que olhei pro lado e não vi?
Quantas vezez foi que orei
E não ri?

Nem sexta e nem segunda-feira
São vários olhos pra comer
Só uma folha pra escrever
A vida se esvai se marcar bobeira

Quantas vezes foi
Que olhei pro lado e não vi?
Quantas vezes foi que orei
E não ri?

Dos compassos e descompassos
Dos abraços e olhares de amor
Que são apenas traços do que sobrou
Do sol, da chuva e do calor de flor
Daquela que foi meu torpor
E febre de dias intensos
De pensamentos em laços

SARAU DE DOMINGO


SOMBRAS DA ESCURIDÃO

Quando chora o coração
de ir embora
Sofrido infarta o coração
de quimera

Ido o corpo insano
se presta a corrupção
do hipotálamo

Sem garra
o pênis solitário
regurgita vida

E maior que a pôrra insana
que esparge ao leo
É a vida que clama por sentido

Na miséria
sem misericórdia do ocaso
Na insensível palidez
do não ser

Pois que a sana
é a gana do poeta
que morre e mata
por precisar ser ungido

sábado, 19 de junho de 2010

HISTÓRIA DE UMA GUERRA PARTICULAR


Olá,
Acordei cedo...Putz...As 07:00 du matin e eu já não conseguia mais dormir...Também, em plena sex-ta feira, eu dormí cedo...Não fui ao Cinema com Batuque, abraçar a galera e curtir as vibes que rolam por lá, sob a batuta de meu brodaço, Slow (blog todo dia um texto novo)...Também naum assistí a apresentação dos irmãos da banda Rota Espiral...Pior pra mim...

Então, ja que cedo levantei, liguei o bichim (note) que havia desligado para descançar um pouco...

Maravilha a poesia que o médico poeta, Célio Pedreira (blog foice nova), me enviou (depois posto procês)...

...E ahíii, tcham, tcham...

Surge a melhor parte: Ao abrir o Estadão on line para saber do mundo...Ví a notícia da visita do enviado dos E.U.A ao Oriente Médio, George Mitchel, ao presidente da Autoridade Nacional Palestina, Mahmoud Abbas...

Nos comentários: A História de Uma Guerra Particular
Judeus israelenses (provavelmente de São Paulo) , Árabes Palestinos (tbm de sampa?) e quem sabe e talvez simpatizantes de lá e de cá ou simlesmente diabinhos tocando fogo no mato...Discutem...

Guerra de palavras lamentável...Cuidado pois aqui abaixo...O ódio escorre em letras e palavras...Não é possível ser o mesmo após ler...

Mitchell e Abbas no encontro em Ramallah

RAMALLAH - O presidente da Autoridade Nacional Palestina (ANP), Mahmoud Abbas, advertiu nesta sexta-feira, 18, ao enviado dos EUA ao Oriente Médio, George Mitchell, do risco que a construção de assentamentos por parte de Israel representa para o processo de paz na região.

Ambos se reuniram em Ramallah, na Cisjordânia, nesta sexta para debater o diálogo de paz indireto entre palestinos e israelenses mediado pelos EUA. Abbas ainda pediu que o governo de Israel revogue completamente o bloqueio mantido sobre a Faixa de Gaza. Mitchell também se encontrou com o chefe palestino das negociações, Saeb Erekat, um dia depois de se reunir com o primeiro-ministro da ANP, Salam Fayad.

"O presidente explicou a Mitchell o risco que supõe a continuação da construção de colônias judaicas em Jerusalém", disse Erekat depois das reuniões. Segundo ele, até a presente data, nenhum progresso foi alcançado nas negociações indiretas de paz, iniciadas em março.

Fontes do Departamento de Negociações da Organização para a Libertação da Palestina (OLP) disseram que no encontro de Mitchell com a equipe de negociações foram abordadas questões como território, segurança e recursos hídricos.

Erekat ainda disse que a decisão tomada por Israel na quinta-feira de aliviar o bloqueio mantido sobre a Faixa de Gaza para permitir a entrada de mais bens "não é suficiente". "Ou há bloqueio ou não há, mas não aceitamos medidas pela metade e por isso exigimos o término do embargo", disse a fonte.

Os palestinos também elogiaram a iniciativa americana de financiar projetos em Gaza pela primeira vez desde 2007, o que faz parte de um projeto de US$ 400 milhões para o território anunciado pelo presidente Barack Obama na semana passada.

Israel

Na quinta, Mitchell se reuniu com o primeiro-ministro de Israel, Benjamin Netanyahu, e com o ministro da Defesa, Ehud Barak, com quem discutiu formas de impulsionar o processo de paz na região.

Esta é a quarta vez que Mitchell tenta fazer progressos entre as partes envolvidas nos conflitos do Oriente Médio, a primeira desde o ataque de Israel contra uma frota de navios que levava ajuda humanitária a Gaza e tentava furar o bloqueio imposto pelo Estado judeu.

O enviado dos EUA destacou durante o encontro com as autoridades israelenses a necessidade de que as partes "exercitem a contenção" e se abstenham de "confrontos" e reiterou a esperança de que o atual modo de diálogo leve às negociações diretas entre os palestinos e Israel.

Tópicos: Negociações, Mitchell, Abbas, Netanyahu, Erekat, Palestinos, ANP, Israel, Internacional, Oriente médio




comentários para este post 28 comente também

28 AARAO ricardo
19 de junho de 2010 | 9h 18 Denunciar este comentário

Alfredo Júnior, então, coloque uma bandeira da palestina na cabeça, e vá viver bem lá NO MAIOR CAMPO DE CONCENTRAÇÃO DO MUNDO,CHAMADO DE FAIXA DE GAZA, pode , é tranquilo, os israelenses vão cuidar de voçê direitinho, voçê que disse,vai, tá esperando o quê???

27 Alfredo Junior
19 de junho de 2010 | 9h 08Denunciar este comentário

Aarão Ricardo - Penso que essa comparação entre a Faixa de Gaza e os campos de concentração nazistas é no mínimo exagerada. Será que você não conhece bem a História, ou será que é apenas por causa de sua ideologia de demonizar a Israel? Busque na Internet a situação dos palestinos em Gaza, busque as fotos de seus comércios, seus banhos de praia, seus centros médicos e farmacêuticos; e todo o demais. Depois busque notícias e fotos do Holocausto judeu e as compare. Você verá quão grotesca e errônea é essa sua colocação - e não só sua - porque muitos antissemitas usam isso como argumento.

A situação de Gaza não tem nada a ver com os campos nazistas de maneira alguma. Esse pensamento foi produzido por grupos racistas que querem ver Israel apagado do mapa. Na verdade são as novas gerações de nazistas que vieram perpetuando-se; usando todas as formas sujas de ataque como usavam seus antecessores.

Antes usavam a desculpa que os judeus eram os causadores de todo o mal, e, portanto, a coisa certa a fazer, seria matar os judeus; isso soou razoável ao povo alemão.

Hoje usam os termos de anti-sionistas, porém, isso é só para esconder um pouco seu antissemitismo.

26 Rogerio Schneider
19 de junho de 2010 | 6h 38Denunciar este comentário

Esses palestinos são demagogos sempre pedindo mais, mais e mais. Pedem o fim do embargo para que entre armas para que haja guerra. OS PALESTINOS NÃO QUEREM A PAZ. O que dizer de um povo que ostenta entre seus líderes um Arafat, terrorista que executou vários atentados contra civis?

25 AARAO ricardo
18 de junho de 2010 | 23h 40Denunciar este comentário

LINK FOI NO UOL, SOBRE A MATÉRIA QUE OS BONZINHOS DE ISRAEL IRIAM AMENIZAR O BLOQUEIO AO MAIOR CAMPO DE CONCENTRAÇÃO DO MUNDO, A FAIXA DE GAZA, SOMENTE AGORA O MUNDO SABE DO ABSURDO DOS PRODUTOS QUE ELES BLOQUEIAM, POIS ISSO FOI ALVO DE COMENTÁRIOS NO MUNDO TODO, POIS TODOS ACHAVAM QUE SE LIMITAVA A ARMAS, E CIMENTO , AREIA, TIJOLOS, VERGALHÕES, O QUE PODERIA SER USADO COMO BUNKERS PELO HAMAS.

24 Alfredo Junior
18 de junho de 2010 | 22h 58Denunciar este comentário

Aarao Ricardo - poderia citar os links dos quais você falou?

23 AARAO ricardo
18 de junho de 2010 | 21h 54Denunciar este comentário

Eu entrei em um Blogg, de um tal de Amorim, o cara defendendo o tempo todo o governo assassino de Israel.

Li em outro lugar, que Israel Bloqueia a entrada de salgadinhos, refrigerantes,enlatados, frutas cítricas, batatas fritas, alguns remédios e PASMEM canela em pó e em pau!!! Com certeza isso é para massacrar, humilhar e expulsar os Palestinos da terra deles, apesar de Israel criar O MAIOR CAMPO DE CONCENTRAÇÃO DO MUNDO, a ONU, nada faz, deferia ser esvaziada pelos países árabes e simpatizantes, enquanto isso os EUA, continuam o seu plano de longo prazo de cercar completamente a RUSSIA, pois basta olharmos no mapa e perceber que aos poucos os americanos, cercam com bases militares e guerras, todo o redor dos russos, o que será que os EUA, querem cercando completamente a RúSSIA,???Coisa boa não é!!!

22 Alfredo Junior
18 de junho de 2010 | 20h 07Denunciar este comentário

Sr. Luis Carlos Pereira - enquanto houver pessoas com a sua mentalidade, dificilmente poderá se chegar a um acordo de paz entre Israel e Palestina. É justamente esse extremismo do tudo ou nada que causa tanto dano no oriente médio.

21 luiz carlos pereira carlos
18 de junho de 2010 | 18h 47Denunciar este comentário

nos palestinos prefermos morrer ao abaixar a cabeça para uma raler de judeus que os nazista, nao exterminaram,

vc Carlos Liberman nos nao queremos esmola, o toda nossa terra ou nada nem mesmo um milesimo, para essa raça de judeus maldita, um dia nos construiremos ou compraremos uma arma tal destruidora quantos a que vcs tem e jogaremos sobres suas casas iguais as que vcs jogar hoje, disso vc nao tem duvidas por que jogaremos

20 Carlos Liberman
18 de junho de 2010 | 17h 40Denunciar este comentário

Os palestinos deveriam aceitar o acordo de paz com todos os termos que Israel quer.

Israel e EUA sabem o que é bom para o povo palestino.

Afinal de contas, é melhor um pedacinho de terra do que nada.

Os palestinos deveriam ainda ficar felizes com a boa vontade do governo de Israel, que está dispposto a negociar.

19 Marcus Caffe
18 de junho de 2010 | 17h 37Denunciar este comentário

A verdade eh que a Paz contradiz a Guerra. Um povo como o de Israel sem guerra nada mais eh do que um povo. Eles pregam a Paz mas utilizam a guerra...tudo isso nada mais eh do que uma contradicao burocratica...que vem desde a U.N ate o grande Congresso Americano que por decadas desfrutam do patrocinio e da grana do lobby judeu...( AIPAC)...se eu fosse Arabe e Milhionario...eu iria investir nao no mercado financeiro mas sim no congresso Americano...ali eh que tudo vale alto.

Nada ira mudar senao outros pai

18 Alfredo Junior
18 de junho de 2010 | 16h 16Denunciar este comentário

O que significa Al Quods?

17 Rafael Furquim Werneck Xavier
18 de junho de 2010 | 16h 07Denunciar este comentário

Prezado Alfredo, no Corão Jerusalém aparece pelo nome árabe: 'Al Quods'.

Da parte do movimento Fatah, existe uma espécie de plano B, que é vencer Israel pelo voto. Como povo ocupado, a idéia é exigir para os palestinos, pelo menos aos nascidos após a invasão de 1967, a cidadania israelense. Acontece que a taxa de natalidade palestina é tres vezes maior que a israelense, daí logo os palestinos serão maioria, e poderiam eleger em candidatos comprometidos com eles.

Ariel Sharon sabia desse plano, e tinha alguma urgência em resolver a questão, mas os fanáticos da extrema direita que governam não estão preocupados. Mas deviam.

16 Rafael Furquim Werneck Xavier
18 de junho de 2010 | 15h 59Denunciar este comentário

Cara Eulália, para responder seu comentário, leia o que eu escrevi na reportagem sobre as declarações do Presidente Assad: http://www.estadao.com.br/noticias/internacional,ataque-de-israel-a-frota-aumenta-riscos--guerra-no-oriente-medio-diz-siria,567976,0.htm

Tem tres comentários meus, dois em resposta a seus comentários.

15 Alfredo Junior
18 de junho de 2010 | 15h 52Denunciar este comentário

The Clash - por que será então que na maioria dos mapas árabes não aparece o estado de Israel? (Principalmente nos mapas da Palestina, onde nas escolas ensinam geografia sem a existência de Israel no mapa.) Será que realmente aceitaram a Israel como estado livre e soberano? Olha... Acho que não...

14 Alfredo Junior
18 de junho de 2010 | 15h 41Denunciar este comentário

Por que será que o Corão não cita o nome Jerusalém uma vez sequer? Alguém saberia me explicar?

13 THE CLASH
18 de junho de 2010 | 15h 11Denunciar este comentário

Sra. Nadia, a senhora sabe que o Estado de israel, bombardeia campo de refugiados palestinos, matando muitos civis, e com as armas primitivas usadas pelos palestinos não exista um arremedo de retaliação. - ou mesmo quando envia seus soldados às cidades libanesas em operações "antiterroristas" onde matam e destroem, sequestram navios, despacham dentenas de reféna para campos de prisioneiros sob condições terríveis,

Mas como são amigos do Rei isso não é terrorismo, aliás as rarars vozes que se levantam são abafadas por cumplices fiéis sob alegação que se trata de "anti-semitismo" e "inquidade"

depois temos que ler outros comentários tal qual "israel é regido por

leis superiores"

12 THE CLASH
18 de junho de 2010 | 15h 01Denunciar este comentário

Sr. Kadin, você mente ao afirmar que a Palestina não reconheceu o Estado de Israel, a resolução 242 da ONU ela foi aceita em novembro de 1998. na qual foi reconhecida IMPLICITAMENTE a existência do Estado de Israel.

11 Kadin Kalil
18 de junho de 2010 | 14h 44Denunciar este comentário

O povo palestino só não tem um estado porque desde 1948 não aceita o fato de Israel existir. Apesar de Israel manter a mão estendida aos povos vizinhos para uma coexistencia pacifica, alguns ainda preferem viver na fantasia de que Israel não existe e que deve ser riscado do mapa... o que claramente não vai ocorrer, simplesmente porque este pais tem várias ogivas nucleares o que nos leva apenas a uma saida: A diplomacia para resolver os impasses...

Este pequeno povo, que não representa sequer 0,02% da população mundial, contudo detém 25% dos premios nóbel continuará a ser abençoado pelo CRIADOR, e também assistirá de camarote a queda de todos aqueles que pregam sua destruiçao. Aliás, já viram e viveream a queda do Império Grego, Romano, Babilonico, Napoleonico, Nazistas, etc

10 Eulalia Rosa
18 de junho de 2010 | 14h 28Denunciar este comentário

Senhor Rafael Furquim, SE DEUS QUISER ISRAEL MORRE COMO NASCEU NO PAPEL!!! E A JUSTIÇA E A PAZ VOLTAM A REINAR AQUI!

9 Rafael Furquim Werneck Xavier
18 de junho de 2010 | 14h 19Denunciar este comentário

Para entender a situação na palestina, seguem meus comentários abaixo.

Apenas corrigindo, no item 2, onde se le ..dada a Deus.., leia-se ..dada por Deus...

8 Rafael Furquim Werneck Xavier
18 de junho de 2010 | 14h 14Denunciar este comentário

1) Os Palestinos reivindicam Jerusalém como capital, mas querem toda a terra Palestina. Porque são Islâmicos. Esta religião prega serem sagradas todas as terras onde viveu Maomé, o profeta, e que nessas terras apenas os crentes podem habitar. Outros não podem. Por isso o Hamas e o Iran, mais fundamentalistas, não aceitam Israel. Os países mais moderados, sim, desde que Israel volte às fronteiras de 1967. Segundo o Corão, livro base do Islã, as religiões judaica e cristã contém erros e são incompletas, então Deus deu a Maomé o terceiro testamento, definitivo, para corrigir os erros das outras duas religiões. Por isso Judaísmo e Cristianismo prescreveram, apenas o Islã é válido. Assim o Hamas já declarou que poderia fazer um tratado de paz de longo prazo com Israel, mas jamais abrirá mão de possuir toda a terra palestina.

7 Rafael Furquim Werneck Xavier
18 de junho de 2010 | 13h 39Denunciar este comentário

2) Para os Judeus, todo o território de Israel atual mais a Cisjordânia, que é formada pela Judéia e Samaría bíblicas, são parte do chamado 'Yerets Israel', a grande Israel, dada a Deus a Abraão e aos decendentes legítimos dele: Isac, pois Ismael era filho ilegítmo. Para os judeus, apenas eles podem possuir essas terras, e é pecado dá-las a outros.

3) A faixa de Gaza nunca pertenceu a Israel, era do Egito, Israel tomou na guerra de 67 depois quiz devolver quando devolveu o Sinai, mas o Egito não aceitou.

Tentem fazer a paz com esse cenário.

6 Marcelo Holl Cury
18 de junho de 2010 | 12h 36Denunciar este comentário

Cara Nadia, não seja ingênua. Quando Israel, devolver as fronteiras como em 1967, retirando todos seus assentamentos clandestinos (como pede resolução muuito antiga da ONU) e dividir Jerusalem, então, e só então deixarão de ser INVASORES imperialistas. Se alguem invadir tua casa, destruir tua horta, e ameaçar tua familha você vai se preocupar com a segurança desta pessoa?!!!! Falta noção de história, cara colega comentarista...

5 Marcelo Holl Cury
18 de junho de 2010 | 12h 35Denunciar este comentário

Cara Nadia, não seja ingênua. Quando Israel, devolver as fronteiras como em 1967, retirando todos seus assentamentos clandestinos (como pede resolução muuito antiga da ONU) e dividir Jerusalem, então, e só então deixarão de ser INVASORES imperialistas. Se alguem invadir tua casa, destruir tua horta, e ameaçar tua familha você vai se preocupar com a segurança desta pessoa?!!!! Falta noção de história, cara colega comentarista...

4 Nadia Papel
18 de junho de 2010 | 12h 20Denunciar este comentário

Comentários cegos a gente entende. Mas a notícia é séria. A paz é perseguida. Então que a paz abranja a todos.

3 Nadia Papel
18 de junho de 2010 | 12h 19Denunciar este comentário

A reportagem não falou em segurança aos israelenses. Não citou como Abbas garantirá que não vão continuar mandando mísseis quase diários contra Sderot. Não garantiu que armas não serão traficadas para Gaza. Enfim, só pedem, não dão nada. Quem em sã consciência pode aceitar um acordo onde uma das partes só abre mão, promete, etc? Coisa de maluco.

2 pedro salem
18 de junho de 2010 | 11h 51Denunciar este comentário

resultado natural de estado que vive acima de crdavies dos plastinos

liderada pelos pior criminosos da guerra de ben gorion ate natenyaho

1 GENARO RIBEIRO
18 de junho de 2010 | 11h 31Denunciar este comentário

Abbas e Mitchell, resultado: ZERO ao quadrado

Duas marionetes, coniventes com o governo sionista de Israel.

Abbas beija as mãos de Netanyahu e Mitchell os pés.

Israel assenta o que quiser, onde quiser e quando quiser.

Faz o que quiser, onde quiser e quando quiser.

Manobra o que quiser, onde quiser e quando quiser.

Governa o que quiser, onde quiser e quando quiser.

Hoje Israel é o Governo Supremo do Mundo.

Sáo donos do sistema financeiro mundial, da mídia e da política mundial.

Ou resta alguma dúvida?

ler todos os comentários

sexta-feira, 18 de junho de 2010

Choppinho Digital no Twitter

Siga o Choppinho Digital, Blogg do Sylvio Neto, no Twitter...Eh,eh, eh...Tamú ficando mudernos...www.twitter.com/chopinhodigital
abçs
sn

VAI SARAMAGO... VAI

(Estranho Seria Dizer, Vai Com deus...)

MORREU HOJE JOSÉ SARAMAGO ... Com ele morre um grande espaço da filosofia e do pensamento.



"No dia seguinte ninguém morreu"
Intermitências da Morte

Não por coincidência, a última postagem de Saramago em seu blog, Outros Cadernos de Saramago, diz:

Pensar, pensar Junho 18, 2010 por Fundação José Saramago

Acho que na sociedade actual nos falta filosofia. Filosofia como espaço, lugar, método de refexão, que pode não ter um objectivo determinado, como a ciência, que avança para satisfazer objectivos. Falta-nos reflexão, pensar, precisamos do trabalho de pensar, e parece-me que, sem ideias, nao vamos a parte nenhuma.

Revista do Expresso, Portugal (entrevista), 11 de Outubro de 2008


Os dois últimos livros lidos por mim foram, "Caim" e " O Evangelho Segundo Jesus Cristo" (este repousa ainda sobre a cômoda"... Parece sacanagem ...

"(...) Os peixes réprobos, de pele lisa, aqueles que não podem ir à mesa do povo do senhor, foram assim restituídos ao mar, muitos deles, mesmo, já tinham ganho o costume e não se preocupavam quando os levava a rede, sabiam que pronto tornariam à água, sem risco de morrerem sufocados. Em sua cabeça de peixes criam beneficiar duma benevolência especial do criador, senão mesmo de um amor particular, o que os levou, ao cabo do tempo, a considerarem-se superiores aos outros peixes, os que ficavam nas barcas, que muitas e graves faltas esses deviam ter cometido a coberto das escuras águas para que deus, assim, sem piedade, os deixasse morrer."
O Evangelho Segundo Jesus Cristo, pag 228


Estes dois livros, que lí, em conjunto com Dom Casmurro de Machado de Assis e O Jesus Histórico de Jean Domenic Crossan( todos ao mesmo tempo...falta terminar este último), não foram uma busca e tampouco alento...O último ano, principalmente de agosto de 2009 para cá, tem sido muito difícil e eu precisava do sarcasmo para segurar a ôia...Precisava me alimentar e potencializar com descrença na divindade ou quem sabe ter certeza de seu sarcasmo e desprezo...

Saramago...É uma planta que serve de alimento para pobres em tempos difíceis...Sério, é mesmo...Esse Saramago do nome de José foi acrescido a seu nome, visto que era apelido de seu pai pelo tabelião.

Me alimentei, rí, pensei, fiquei triste...A nehuma conclusão cheguei...E nem queria...

(...) Ó pai, chamou o moço, e logo uma outra voz, de adulto de uma certa idad, perguntou,Que queres tú, Isaac, levamos aqui o fogo e a lenha, mas onde está a vítima para o sacrifício, e o pai respondeu, O senhor há de prover, o senhor há de encontrar a vítima para o sacrifício. E continuaram a subir a encosta. Ora, enquanto sobem e não sobem, convém saber omo isto começou para comprovar uma vez mais que o senhor não é pessoa em quemse possa confiar. Há uns três dias, não mais tarde, tinha ele dito a Abraão, pai do rapazito que carrega às costas o molho de lenha, leva contigo o teu único filho, Isaac, a quem tanto queres, vai à região do monte Mória e oferece-o em sacrifício a mim sobre um dos montes que eu te indicar. O leitor leu bem, o senhor ordenou a Abraão que lhe sacrificasse o próprio filho, com a maior simplicidade o fez, como quem pede um copo de água quando tem sede, o que significa que era costume seu, e muito arraigado. O lógico, o natural, o simplesmente humano seria qe Abraão tivesse mandado o senhor a merda, mas não foi assim(...)Quer dizer, além de tão filho da puta como o senhor, Abraão era um refinado mentiroso, pronto a enganar qualquer um com a sua língua bífida, que, neste caso, segundo o dicionário privado do narrador desta história, significa traiçoeira, pérfida, aleivosa, desleal e outras lindezas semelhantes(...) Acto contínuo, empunhou a faca para sacrificar o pobre rapaz e já se dispunha a cortar-le a garganta quando sentiu que alguém lhe segurava o braço, ao mesmo tempo que uma voz gritava, Que vai você fazer, velho malvado, matar seu próprio filho, queimá-lo, é outra vez a mesma história, começa-se por um cordeiro e acaba-se por asassinar aquele a quem mais se deveria amar(...)"
CAIM, págs 79/89

"No final descobrimos que a única condição para a vida existir é a morte".



OBRAS

Poesia


Os Poemas Possíveis, 1966
Provavelmente Alegria, 1970
O Ano de 1993, 1975

Crônica

Deste Mundo e do Outro, 1971
A Bagagem do Viajante, 1973
As Opiniões que o DL Teve, 1974
Os Apontamentos, 1976
Viagens a Portugal, 1981

Diários

Cadernos de Lanzarote I, 1994
Cadernos de Lanzarote II, 1995
Cadernos de Lanzarote III, 1996
Cadernos de Lanzarote IV
Cadernos de Lanzarote V

Teatro

A Noite, 1979
Que Farei Com Este Livro?, 1980
A Segunda Vida de Francisco de Assis, 1987
In Nomine Dei, 1993
Don Giovanni ou O Dissoluto Absolvido, 2005

Conto

Objeto Quase, 1978
Poética dos Cinco Sentidos – O Ouvido, 1979
O Conto da Ilha Desconhecida, 1997

Romance

Terra do Pecado, 1947
Manual de Pintura e Caligrafia, 1977
Levantado do Chão, 1980
Memorial do Convento, 1982
O Ano da Morte de Ricardo Reis, 1984
A Jangada de Pedra, 1986
História do Cerco de Lisboa, 1989
O Evangelho Segundo Jesus Cristo, 1991
Ensaio sobre a Cegueira, 1995
A Bagagem do Viajante, 1996
Todos os Nomes, 1997
A Caverna, 2000
O Homem Duplicado, 2002
Ensaio Sobre a Lucidez, 2004
As Intermitências da Morte, 2005
As Pequenas Memórias, 2006
A Viagem do Elefante, 2008
Caim, 2009

Prêmios

Portugal
Prêmio da Associação de Críticos Portugueses por A Noite, 1979
Prêmio Cidade de Lisboa por Levantado do Chão, 1980
Prêmio PEN Clube Português por Memorial do Convento, 1982 e O Ano da Morte de Ricardo Reis, 1984
Prêmio Literário Município de Lisboa por Memorial do Convento, 1982
Prêmio da Crítica (Associação Portuguesa de Críticos) por O Ano da Morte de Ricardo Reis
Prêmio Dom Dinis por O Ano da Morte de Ricardo Reis, 1986
Grande Prêmio de Romance e Novela da Associação Portuguesa de Escritores O Evangelho Segundo Jesus Cristo, 1992
Prêmio Consagração SPA (Sociedade Portuguesa de Autores), 1995
Prêmio Camões, 1995

Itália
Prêmio Grinzane-Cavour por O Ano da Morte de Ricardo Reis, 1987
Prêmio Internacional Ennio Flaiano por Levantado do Chão, 1992

Inglaterra
Prêmio do jornal The Independent por O Ano da Morte de Ricardo Reis, 1993

Internacionais
Prêmio Internacional Literário Mondello (Palermo), pelo conjunto da obra, 1992
Prêmio Literário Brancatti (Zafferana/Sicília), pelo conjunto da obra, 1992
Prêmio Vida Literária da Associação Portuguesa de Escritores (APE), 1993
Prêmio Consagração SPA (Sociedade Portuguesa de Autores), 1995
Prêmio Nobel da Literatura, 1998


quinta-feira, 17 de junho de 2010

O POETA VAI FICANDO PROFÍCUO...



Ontem, no início da noite, cansado de surfar na net, de ouvir música e de ver os seriados da EXN, TNT e UNIVERSAL CHANEL...Fui sorver uma breja no bar do Barriga...

Lá, como não poderia deixar de ser, encontrei vários chatos, bêbados mais chatos ainda e quase bêbados, ávidos, de papo...E qual é o papo do momento?

Sim, Copa do Mundo...

Aproveitei para fazer uma pesquisa com os ilustres companheiros de bar: Alguém aqui gosta da narração do Galvão Bueno?
O NÃO, foi unânime...COMO ELE CONSEGUE RESISTIR?
A verdade é que nem dele as pessoas gostam...

Um companheiro falou de um" pessoalzinho", seu...Que no motel, onde estavam, fazendo amor e assistindo ao jogo, Brasil X Corea do Norte...Tudo ao mesmo tempo agora...Para sua indignação, somava torcida para a Coreia do Norte...

Emendou-se a esta baba, o fato de muitos brasileiros estarem vestindo a camisa da Argentina...Quando passam de carro ou de pé, gritam: Argentinaaaaaaaaaaaaaaaaa, Don Diegoooooooooooooooo!!!!!!!!

E tem o papinho:

" O Brasil não merece ganhar...Não merece ser feliz com o futebol...Há muita violência e impunidade, desigualdade e fome, desemprego e dor, corrupção política e desapego moral...O brasileiro precisa se tocar..."

?????????????????????????

Viajando o mundo, nos jornais, nos blogs, no sites de informação a gente vê dor e miséria... No mundo todo, ódio e destempero é mato...

A Europa, com sua incapacidade de melhorar o déficity público, impõem um aperto fiscal exclusor...

A grand mother, Portugal, de meu amigo Mário e que premiou no início do mês o poeta Ferreira Gullar, vai mal demais das pernas, segue cambaleando junto a outros países que chamam pela singela sigla de PIGS, um acrônimo pejorativo inventado pela imprensa britânica, para designar as economias de Portugal, Itália, Grécia e Espanha...

A matança que resulta dos conflitos no Quirguistão...

O ódio disfarçado de política de segurança da Terra Prometida e escolhida por "deus", Israel, impõem a árabes palestinos da Faixa de Gaza, o terror e a geração de ódio e rancor...

O enfrentamento político/militar (geoestratégico?diplomático?) do império que cai, E.U.A, contra o Irã, a Coréia do Norte, o Afeganistão (descobriram enormes reservas minerais lá...ehehehe) e o combalido e fraco Iraque...Não são males pequenos...

Do jornal mexicano, La Jornada, que matém intercâmbio com a revista eletrônica Carta Maior, surgem notícias tristes de nossos irmãos do Norte, de nossos irmãos latinos: O tráfico está bombando, ontem foram mortos mais de 15 policiais federais, dentre 40, em uma emboscada, o presidente Felipe Caldéron, enfrenta pressões enormes...

E o fato que desponta e surge como o pior...fato que não produz na ONU, uma retaliação econômica, diplomática e/ou militar imediata contra o Estados Unidos:

O não do poderoso vizinho

A reunião interparlamentar México-Estados Unidos terminou com resultados contrários aos interesses mexicanos. Diante da negativa estadunidense de controlar o fluxo de armas que tanto afeta o México, a resposta equivalente seria declarar uma política de rotas abertas para o tráfico de entorpecentes. O artigo é de Miguel Ángel Rivera, do La Jornada.

quarta-feira, 16 de junho de 2010

Tarantino´ s Mind A Cartada Final de Minhas Memórias do Camarada André Eiras


"Tavú" aqui de bobeira, e naquele ir e vir de buscas, leituras, respostas a imeiús, papo no MSN, travas, páginas que naum carregam e coisa e tal, resolví buscar a Trilha Sonora do filme, " A Cartada Final (The Score)", com De Niro, Marlon Brando e Edward Norton - três gerações de super atores.

É... que pouco antes, de me sentar aqui... Assistí novamente a este filme, na rede Megapix, e como já o havia visto algumas outras vezes, prestei mais atenção na trilha sonora.

Logo de cara, nos primeiros minutos, aparece uma negona linda, cantando no bar do NYC, que é um bar de Jazz (vou postar a trilha, procês verem o set list)...Quem é a negra?Tentei saber, fucei aqui e alí e naum achei nada além da trilha (sonora...ehehehe).

Em um dos sites que procurei, na verdade um blog, Blog do Junior, que no link procurado não dava/tinha nada do filme e era alimentado somente com fotos do Marlon Brando, rolou um link com o Youtube, onde revi (dia de revisitas) o curta do Selton Melo e Seu Jorge, de nome Tarantino´s Mind.

Desta vez, prestei mais atenção, pois a imagem rolou direto (deixei a carregar por um tempão) e pude sacar a vibe do filmete...Mó barato...Tudo maneiro...Interpretação com caras e bocas geniais...Mó a vontade os caras...Mas o SENSACIONAL foi me lembrar, pow, de estalo, do André Eiras, um brodaço que naum vejo a mais de uma ano...Porra!! o filme é a cara dele, não que ele goste do Tarantino, nem sei....

Mas as teses, teorias... onda do filme...

Bem, pra este cara que escreve...O filme é mais e além do que é o Tarantino, suscita muito mais que uma simples teoria, tese ou plano de fragmentação de um roteiro grande e imenso, que se vai trazendo a tona desde " Cães de Aluguel", passando por "Um Drink No Inferno", Pulp Ficcion e vindo até o Kil Bill 1 e 2...Quer dizer... Ou seja... Muito, e bem antes, da concepção real de todos os filmes, Tarantino, já sabia o como, o que e o quando de seus personagens, inclusive em como eles continuariam a viver nos outros filmes - parece que o novo, "Bastardos Inglórios"(que ainda não ví), não remete a links anteriores e portanto não é parte do mesmo roteiraço fragmentado em vários filmes (é esta pelo menos a opinião da galera do Blog Melhores do Mundo)...O filme é foda, não tanto quanto o Tarantino...Sem essa...Ele é foda sozinho saca...maneiraço

e ainda lembra as reuniões na casa do André, com mil teses e musicas e abraços...Saudade!!

Antes que me esqueça anotem a ahê, a Tilha Sonora (Sound Track) de A Cartada:

PARA BAIXAR O FILME GRATIS: CLIQUE AQUI

Quando tiverem curiosidade sobre musicas em filmes e trilhas :escrevam para o editor do site que é o Carlos Zanela

A trilha original é de Howard Shore.

* Clap Your Hands" - G Club

* "Here Comes the Morning" - G Club

* "Autumn Leaves" - Cannonball Adderly e Miles Davis

* "Green Dolphin Street" - Cassandra Wilson

* "You''re About To Give In" - Cassandra Wilson

* "''Round Midnight" - Thelonious Monk

* "City Home" - Mose Allison

* "Easy Living" - Clifford Brown

* "I''ll Never Be Free" - Mose Allison

* "The Hacker" - Lucas Moore, Andreas Allen, Oscar Mazzola e Keith Dobbs

* "Dangerous Streets" - Dee Cernile

* "I''ll Make It Up As I Go" - David Foster e Amy Gillies

Voltando ao Tarantino´s Mind que me fez lembrar o Eira...

É uma produção bastante bacana, pois que, feito a várias mãos, com roteiro e direção do coletivo 300ML e produção da República Filmes.
Na 18a. edição do Festival Internacional de Curtas-Metragem de São Paulo, o fime esteve entre os dez filmes mais e melhor votados. A produção é de 2006 e tem 13 min.

Assista e lembre de alguém...ehehehe



terça-feira, 15 de junho de 2010

TEORIA DAS CONSPIRAÇÕES 1

O QUE TAMBEM ROLA POR TRAS DAS PERSSEGUIÇÕES DA IMPRENSA A DUNGA

O mundo da informação é sinistro. Serve a si próprio, a governos, a golpes e guerras de guerrilhas, a mesquinharias e a muita coisa podre e criminosa...serve também ao entretenimento e ainda a dar conhecimento a sociedade do que acontece.

Acontece que o que realmente acontece ou aconteceu ou virá a acontecer,nem sempre vem com a marca da verdade (veritas, alentheia e emunah)...Os jornalistas a serviço das grandes corporações e ainda defendendo seus próprios interesses...Servem a notícia editada em formato que irá atender a visão da corporação para que trabalha.

Leia as confissões de Samuel Weiner, criador do Jornal Última Hora, durante o governo Vargas.

Então, nem sempre o que é, é...

Abaixo, transcrevo texto do sociólogo e jornalista, Laurindo Lalo Leal Filho, que tem uma coluna na revista eletrônica Carta Maior e que em texto meio que explica (não com esta inte4nção,que vai articulada por mim) o porque, de tanta carga sobre o Dunga, que fechou os treinos e ainda se recusa a falar (sempre) e ainda outras mazelas que seguem no rastro, das televisões, transmissões de jogos, endeusamento de jogadores e blás, blás, blás...

Está no ar o maior espetáculo de televisão. Em audiência nada bate a Copa do Mundo. Na Alemanha, em 2006, os 64 jogos foram vistos por 26 bilhões de telespectadores, número que neste ano pode alcançar os 30 bilhões.

São 60 bilhões de olhos vendidos pela FIFA para as emissoras de TV comercializarem com os seus anunciantes. As cifras envolvidas em dinheiro são estratosféricas. Ganham a Federação internacional, as empresas de televisão e os anunciantes reforçando marcas e alavancando a venda de produtos e serviços.

Um ciclo perfeito, onde nada pode ser criticado. Normalmente, a TV no Brasil não critica os jogos transmitidos já que, dentro da lógica empresarial, seria um contrasenso mostrar defeitos do próprio produto. E o futebol, para a TV, nada mais é do que um dos seus produtos, assim como as novelas e os programas de auditório.

Dessa forma se todos ganham e não há criticas, o grande espetáculo do futebol, em sua dimensão máxima que é a Copa do Mundo, chegaria as raias da perfeição. Pelo menos é que mostra a TV.

Mas, e ainda bem que há um mas nessa história, a TV Brasil e a TV Câmara mostraram no programa VerTV alguns aspectos da face do futebol que é ocultada pela TV comercial. Sócrates, o capitão da seleção brasileira de 1982 e o jornalista José Cruz, levantaram algumas pontas do véu que cobre, não apenas o futebol, mas grande parte de toda a estrutura esportiva existente no Brasil.

Para começar não é verdade que todos ganham. Há quem perda, e são muitos. Por exemplo, os jovens que por força da TV associam desde cedo o sucesso esportivo com o consumo de cerveja. Ou desprezam o estudo, uma vez que seus ídolos não precisaram dele para alcançar a glória e a fama.

No programa, Sócrates foi enfático: “A TV vende o sonho do consumo. Vende atitude, aparência, comportamento, moda. Mas, é incapaz de vender educação. E vender esporte sem educação é um crime. Mostram ídolos do futebol que não estudam e são um péssimo exemplo para a sociedade. E não por culpa deles apenas. O sistema estimula que saiam da escola”.

Afirmação que desperta uma curiosidade. A mídia revela diariamente minúcias da vida dos jogadores. Onde vivem, que carros possuem, como são suas casas e suas famílias. Só não dizem até que ano estudaram, em quais escolas, como eram enquanto alunos. Por que será? Sócrates responde: “a ignorância dos jogadores é estimulada pelo sistema. A ele não interessam profissionais com possibilidade de critica”.

O jornalista José Cruz mostra outras perdas. De toda a sociedade. Por exemplo, com a irresponsabilidade dos dirigentes esportivos nos clubes, federações e confederações. Embora privadas, essas entidades recebem dinheiro público e, por isso, deveriam prestar contas publicamente. “As loterias esportivas repassam dinheiro para o futebol. A Timemania está hoje tapando o buraco das dívidas fiscais dos clubes produzidas por dirigentes irresponsáveis”.

E mostra outras perdas sociais. A do dinheiro público desperdiçado, por exemplo, nos Jogos Panamericanos do Rio, em 2007. Dá dois exemplos retirados do relatório do Tribunal de Contas da União: “a compra de 5 mil tochas para serem acesas no evento, das quais só chegaram 500 e, ainda assim apenas 380 foram aproveitadas e a descoberta, depois dos Jogos, pelos auditores do TCU, de 880 caixas contendo aparelhos de ar condicionado que sequer foram abertas. E tudo isso segue impune”.

Tanto Sócrates, como José Cruz, alertam para o fato da seleção nacional e dos seus jogos serem eventos públicos que, no entanto, estão totalmente privatizados. “A seleção brasileira – que usa as cores, o hino e a bandeira do nosso pais – deveria ter parte de suas receitas revertidas para o futebol brasileiro, muito pobre em várias regiões do Brasil”, diz o jornalista.

Sócrates lamenta o volume de recursos jogados fora pela falta de uma política esportiva de Estado. Para ele “o esporte deveria ser um braço da saúde e da educação. Se não ele fica solto” e aponta a deficiência dos cursos de Educação Física: “não há um que trate o esporte com viés comunitário. É tudo individualista”.

E há mais. Quem quiser saber basta entrar no site da TV Câmara, clicar em “conhecer os programas” e depois no VerTV. Lá revela-se um pouco do que a TV comercial teima em ocultar.

Laurindo Lalo Leal Filho, sociólogo e jornalista, é professor de Jornalismo da ECA-USP. É autor, entre outros, de “A TV sob controle – A resposta da sociedade ao poder da televisão” (Summus Editorial).

segunda-feira, 14 de junho de 2010

CALA A BOCA GALVÃO

CALA A BOCA GALVÃO É UM MOVIMENTO NECESSÁRIO PARA NÓS BRASILEIROS QUE ANDAMOS DE SACO CHEIO DESTA FIGURAÇA ESCROTA E IGNORANTE...
A PARTIR DELE...
DEVE-SE BUSCAR O ENGAJAMENTO PARA SUMIR COM AQUELE HOMEM GROSSEIRO E MAL EDUCADO (INCLUSIVE COM COMPANHEIROS DE TRABALHO), DA TELEVISÃO BRASILEIRA...

cala a boca Galvão
CALA A BOCA GALVÃO
cala A BOCA Galvão

O QUE É ISSO?

Durante a transmissão da abertura da Copa do Mundo 2010, Na Africa do Sul, o Galvão Bueno e seus colegas de trabalho ficaram o tempo todo tricotando...Torcedores brasileiros, inscritos no site de reacionamento social, Twitter, começaram então a enviar mensagens com a frase " Cala a boca Galvão), esta ação fez com que a mensagem chegasse ao trending topic mundial (que é uma ferramenta de mensuração e que indica que a mensagem está no topo das mais enviadas).

Acontece que os twitters estrangeiros, não entenderam a mensagem, e o buxixo começou com a sacanagem dos brasileiros na tradução, primeiro dizendo que era a nova musica da Lady Gaga e depois dizendo que eram mensagens em prol de um passaro raro, o Galvão, que está em extinção..Vai vendo...

Como o céu é o limite...Muita sacanagem rola..E no youtube, pesquei esta:

O QUARTO PODER FORÇA A BARRA


REPRESENTANTES DO QUARTO PODER
(Imprensa Esportiva)


Mais do mesmo...

Agora (19:36), no ESPN, debatem Juca Kfouri, Mauro,o Trajano (de quem soul fã, uma verdadeira enciclopédia de futebol e cultura geral) e Paulo Vinicius Coelho (o PVC, aquele cara magrinho que é um porre de radical), no Programa Linha de Passe e acusam o Dunga de rancoroso.

Dizem que ele, Dunga, é que faz o confronto....existir...

E o quarto poder ganha, um passo, usando a FIFA, que deu uma chamada na CBF, pois que é, necessário abrir os treinos para a imprensa, pois existem, reclamações dos patrocinadores.

Os debatedores analisam a coletiva que Dunga deu hoje...Dunga aparece falando em recorte da perseguição e patrulha que sofre...E é acusado de rancoroso, pois, responde o que naum é perguntado...????????????

Eles, insistem em discutir sobre erros e comportamento...de Dunga...

Eu, vou acabar o post, trocar de canal e ver CSI Miami

A IMPRENSA SE FUDEU


É difícil acontecer...
Mas as vezes acontece de o quarto poder, ficar mal, se dar mal e momentaneamente perder uma queda de braços...
A imprensa não perdoa e não gosta de perder...
Não há patrulha pior no mundo que a imprensa no pé, na mão, no bolso, na casa de cada um, nas bocas da esquina e dos bares e de todo lugar...
A imprensa com raiva é pior que o BOPE, é pior ainda que a invasão particular do BOPE, ao Morro da Palmeira em Belford Roxo, é pior que o cara do BOPE (nesta mesma invasão) arrancando os culhões de um traficante que havia esmagado os culhões de seu irmão, acusado de estupro, com um paralelepípedo dias antes.



A imprensa e o BOPE..Ahá!!!! São implacáveis, não mexa com eles.
São implacáveis e arrogantes, os jornalistas e o BOPE...Todos eles, todos...Até mesmo aquele (bom) velhinho de cabelos brancos que faz o Programa Observatório da Imprensa, na TV Brasil e, ainda, aquele policial (Ex BOPE), ator (História de Uma Guerra Particular), escritor e apresentador do RJTV da Rede Globo.

Os jornalistas esportivos (e os que dizem ser), que não são do BOPE, não perdoaram o Dunga (tomara que este sentimento não tome a turna do BOPE ... e olha que no período de Copa do Mundo, todos, todos mesmo, passamos a entender de futebol e viramos tecnicos...Se isso a contecer o Dunga vai se f....) pelo fato de não ter ele, aceito, as suas dicas de escalação (e ainda a dos empresários e agentes dos jogadores, não "escolhidos" ou convocados, com suas assessorias de imprensa, distribuindo venenos e quem sabe "grana").

Eu, que não entendo e não gosto, de futebol, tenho arriscado conversar e ler sobre ( pois que, já com quase cinquenta, fica difícil a conversa sem esta seção), e em um desses programas do Esport TV, ví com estes olhos que a terra há de comer, o Juca Kfoury, dizer aos brados: que não gostava do elenco convocado para a seleção, pois, achava o elenco sem classe e que era "apenas" uma seleção para ganhar e não para jogar bola...?????????????????????????

Como podem ficar de fora: Ronaldinho Gaúcho, Ganso e Nilmar?
Como???????????????????????????????????????????

Vários "jornalistas esportivos" replicaram esta máxima...Tal qual, ou, em, variadas outras colocações, iguais...Num mais do mesmo, uníssono.

Dunga: o técnico
É um campeão mundial, que concorre, a mais um campeonato estratosférico entre nações que quase se entendem diplomaticamente e que quase se gostam, só que desta feita com outra função...Ele agora é o ténico e não gostou do que ouviu, do que leu e do que vem sofrendo de ataques.

Dunga, está em vantagem pois classificou a Seleção para a Copa da África e o campeonato, ainda, está em curso, já os jornalistas, apenas, especulam e especulam, fazem "cinicagem" (palavra inventada por Arthur, meu sobrinho de 3 anos, para designar ações cínicas e mentirosas) e maltratam com fofocas e notícias que cavam, caçam, compram e vendem no dia a dia da informação: assim comem seu pão de cada dia (bebem algum vinho...se deliciam com algum antepasto).

Dunga, calou-se, Dunga, não os recebe...Dunga, fechou e trancou a porta a sete chaves...Dunga, desceu uma cortina de ferro e blindou a seleção e os treinos dos olhos inimigos dos jornalistas brasileiros (e não) .

ha!ha!ha!ha!
Dunga, fudeu com a imprensa

Viva o Dunga, que por enquanto vai ganhando - botando no Cú da imprena, qui çá, fará uma orgia, levando o Brasil ao Hexa (e eu nem ligo muito para isso...isto!!!!Maneiro é ver alguns jornalistas que fazem mal uso do poder que tem...em ações e atos tão escroto quanto crueís não terem o que falar (de sério)... Maneiro é ver o poder se fragmentar...mesmo que seja por pouco tempo).

Hoje, na Band, vários "jornalistas esportivos", mais, a apresentadora bonita e gostosa (é item de condição nas faculdades de jornalismo, que seja a mulher, bonita, para se obter diploma e graduação e assim poder trabalhar na tv ou só é preciso ter talento?, ou ainda, este comentário, além de estar mal intencionado e formulado é descabido e sem noção?) e ainda o Edmundo, animal (que não consegue expressar claramente o que pretende...Sei lá o que ele fala quando fala)...Tratavam deste assunto.

Numa autodefesa corporativa: pois é o que se publicou ontem, em quase toda a imprensa especializada esportiva (desaditivada) - Tentavam nos fazer entender, que o motivo de estarem publicando, ao invés de fatos relevantemente esportivos, estão publicando, fofoquinhas e fatos levianos e corriqueiros, tais quais brigas intratreinos e outras bobagens dignas do programa do Leão Lobo e, outros da tarde importante, interessante e glamourosa da tarde da tv, brasileira.

haua!haua!haua!
lêu,lêu,lêu:a imprensa se fudeu...

Mas a Seleção de Dunga precisa ganhar...se não...o Brasil inteiro sofrerá: e parece que a imprensa, assim o prefere...Querem acabar com Dunga, querem que ele se dobre - querem mesmo é dobrar o Dunga - As custas das lágrimas dos brasileiros que precisam de mais um campeonato... mais do que de um emprego ou mais que mais um mandato de Lula e do PT, através da Dilma Roussef. O Hexa, significa muito para os brasileiros.

terça-feira, 8 de junho de 2010

TODOS TEMOS UMBIGO

Amigos,

Não sou de fazer prenúncio de e-mail´s, pois acredito que um bom texto leva inexoravelmente a um equilíbrio na sua compreensão e interpretação, todavia a mensagem que repasso é sensacional no que tange a coerência textual, lógica e finalística sobre o tema abordado. Entendo que deve ser lido por todos e principalmente por aqueles que de forma inconsciente, compulsória e até abrupta tiveram a religião encrustada em suas entranhas e, por conseguinte, não conseguem discenir o caráter teleológico de que todo dogma religioso deve se prestar a servir:

No dia 1°/Abr/2010, o elenco do Santos atual campeão paulista de futebol foi a uma instituição que abriga trinta e quatro pessoas. O objetivo era distribuir ovos de Páscoa para crianças e adolescentes, a maioria com paralisia cerebral.

Ocorreu que boa parte dos atletas não saiu do ônibus que os levou.
Entre estes, Robinho (26a), Neymar (18a), Ganso (21a), Fábio Costa (32a), Durval (29a), Léo (24a), Marquinhos (28a) e André (19a), “ todos ídolos super-aguardados. O motivo teria sido religioso: a instituição era o Lar Espírita Mensageiros da Luz, de Santos-SP, cujo lema é Assistência à Paralisia Cerebral

Visivelmente constrangido, o técnico Dorival Jr. tentou convencer o grupo a participar da ação de caridade.

Posteriormente, o Santos informou que os jogadores não entraram no local simplesmente porque não quiseram.

Dentro da instituição, os outros jogadores participaram da doação dos 600 ovos, entre eles, Felipe (22a), Edu Dracena (29a), Arouca (23a), Pará (24a) e Wesley (22a), que conversaram e brincaram com as crianças.

O escritortor, conferencista e Pastor ED RENÉ KIVITZ, da Igreja Batista de Água Branca (São Paulo), fez uma análise profunda sobre o ocorrido e escreveu o texto.

NO BRASIL, FUTEBOL É RELIGIÃO
por Ed Rene Kivitz

Os meninos da Vila pisaram na bola. Mas prefiro sair em sua defesa.
Eles não erraram sozinhos. Fizeram a cabeça deles. O mundo religioso é mestre em fazer a cabeça dos outros. Por isso, cada vez mais me convenço que o Cristianismo implica a superação da religião, e cada vez mais me dedico a pensar nas categorias da espiritualidade, em detrimento das categorias da religião.

A religião está baseada nos ritos, dogmas e credos, tabus e códigos morais de cada tradição de fé.
A espiritualidade está fundamentada nos conteúdos universais de todas e cada uma das tradições de fé.

Quando você começa a discutir quem vai para céu e quem vai para o inferno; ou se Deus é a favor ou contra à prática do homossexualismo; ou mesmo se você tem que subir uma escada de joelhos ou dar o dízimo na igreja para alcançar o favor de Deus, você está discutindo religião. Quando você começa a discutir se o correto é a reencarnação ou a ressurreição, a teoria de Darwin ou a narrativa do Gênesis, e se o livro certo é a Bíblia ou o Corão, você está discutindo religião. Quando você fica perguntando se a instituição social é espírita kardecista, evangélica, ou católica, você está discutindo religião.

O problema é que toda vez que você discute religião você afasta as pessoas umas das outras, promove o sectarismo e a
intolerância. A religião coloca de um lado os adoradores de Allá, de outro os adoradores de Yahweh, e de outro os adoradores de Jesus. Isso sem falar nos adoradores de Shiva, de Krishna e devotos do Buda, e por aí vai.
E cada grupo de adoradores deseja a extinção dos outros, ou pela conversão à sua religião, o que faz com que os outros deixem de existir enquanto outros e se tornem iguais a nós, ou pelo extermínio através do assassinato em nome de Deus, ou melhor, em nome de um deus, com d minúsculo, isto é, um ídolo que pretende se passar por Deus.

Mas, quando você concentra sua atenção e ação, sua práxis, em valores como reconciliação, perdão, misericórdia, compaixão, solidariedade, amor e caridade, você está no horizonte da espiritualidade, comum a todas as tradições religiosas. E quando você está com o coração cheio
de espiritualidade, e não de religião, você promove a justiça e a paz.
Os valores espirituais agregam pessoas, aproxima os diferentes, faz com que os discordantes no mundo das crenças se deem as mãos no mundo da busca de
superação do sofrimento humano, que a todos nós humilha e iguala, independentemente de raça, gênero, e inclusive religião.

Em síntese, quando você vive no mundo da religião, você fica no ônibus. Quando você vive no mundo da espiritualidade que a sua religião ensina ou pelo menos deveria ensinar, você desce do ônibus e dá um ovo de páscoa para uma criança que sofre a tragédia e miséria de uma paralisia mental.

Ed René Kivitz, cristão, pastor evangélico, e santista desde pequenininho