sábado, 22 de junho de 2013

POSSO E NÃO POSSO

Se quero sair daqui e correr
pelas ruas da cidade
se quero sentir e sonhar
que ainda não é tarde...

Posso...
E não posso...

... E ainda que insista
Por respeito a minha idade
Posso tropeçar em porrada
E cair em bomba e fumaça

E ainda que me aquiete
Para não me perder pela idade
Não posso, não ser ou ser nunca
E pular na corcunda de meu filho
Em nome da justiça e paz

Posso ...
E não posso...

POSSO?

4 comentários:

Marcia Canto disse...

Vc pode tudo!

Alias... "Se essa rua fosse minha... Eu mandava ladrilhar.."

Marcia Canto disse...

Vc pode tudo!

Alias... "Se essa rua fosse minha... Eu mandava ladrilhar.."

André Gonçalves disse...

Brother du caralho! Ta bacanésimo.

Tu ta linkado lá no meublog mano, licença aê falou.

Bj e abraço pelas boas letras na cara!

André Gonçalves disse...

pode sim mano!